Notícias

Crianças do Semiárido são informadas sobre risco de agrotóxicos

Terça, 05 Julho 2016 00:05

Nos dias 28 e 29 de junho, os alunos e as alunas da escola Mocinha Rodrigues, da localidade de Boqueirão, em Sobral saíram de suas rotinas com a chegada das atividades do projeto Educação Ambiental nas Escolas, realizado pelo Esplar em parceria com a ActionAid. Por meio de oficinas e atividades práticas, os/as jovens e crianças se aproximaram ainda mais de questões voltadas para o cuidado com o meio ambiente.

Durante a manhã do primeiro dia, os alunos e as alunas da Educação Infantil e do Fundamental I participaram de oficinas realizadas pelo Esplar. Com o tema “Manejo de Solos e Sementes”, as crianças conversaram sobre os cuidados que devem ter com a terra, com as sementes e sobre os malefícios que o uso de agrotóxico causa em nossas vidas. Para Arnilda Ximenes Liberato, responsável pela escola, as oficinas servem para mostrar para as crianças a importância do trabalho do campo sem o uso dos agrotóxicos. “Vivemos no campo, e quanto mais as crianças se aproximarem do tema, melhor. Quando nossas crianças participam de atividades como essa dá pra perceber que elas ficam mais curiosas sobre o assunto. Elas querem plantar e depois cuidam de suas plantinhas. É muito gratificante ver a empolgação delas”, afirma Arnilda Ximenes.

No período da tarde, os alunos e as alunas do quinto ano visitaram a casa de sementes da localidade. Lá eles/elas tiveram um contato mais próximo com o trabalho da guarda de sementes, além de saberem mais sobre como realizar trabalhos de plantio sem o uso de agrotóxico. Quem conduziu a atividade foi o senhor Zé Carlos, agricultor e um dos representantes da casa de sementes. Para ele, a atividade serve para mostrar para os/as jovens qual a importância da realização do trabalho de guarda de sementes, porque, segundo ele, todos/todas aqueles/as jovens serão mais tarde as pessoas que continuarão o trabalho.

No segundo dia, as crianças da Educação Infantil e do Fundamental I levaram garrafas pets, estrume e sementes para a escola para realizarem a plantação de suas sementes. O exercício teve como objetivo aproximar ainda mais as crianças das atividades que seus familiares realizam e, assim, valorizarem ainda mais o trabalho no campo e os cuidados com o meio ambiente.

Atualmente a escola Mocinha Rodrigues conta com 134 alunos/as, desses, 35 fazem parte do projeto Educação Ambiental nas Escolas, realizado pelo Esplar em parceria com a ActionAid. O Projeto trabalha questões agroecológicas com crianças, jovens e adolescentes de 34 escolas de cinco municípios cearenses, são eles: Canindé, Choró, Quixadá, Santana do Acaraú e Sobral.

Sobre a ActionAid

A ActionAid é uma organização sem fins lucrativos cujo trabalho atinge cerca de 15 milhões de pessoas em 45 países. Aqui no Brasil, as ações desenvolvidas pela ActionAid envolvem 25 organizações parceiras em 13 estados, beneficiando mais de 300 mil pessoas em cerca de 1.300 comunidades.